O Grinch

Assim como o Diabo, o Grinch é uma ferramenta psicológica de controle social e manipulação comportamental. Criado com o propósito de moralizar e utilizado desde então como meio para induzir uma idéia às pessoas ingênuas e sugestionáveis.

Parece complicado, como funciona? Simples:

Após você assistir os filmes, as animações, ler os cartuns ou os livros, ao tentar se abster de participar do Natal ou opinar contra ele, seu pensamento será:

Quero ser um monstrinho verde frustrado e antissocial?

É claro que não quer! A menos que você seja um judeu, rastafári, chines, ou membro de qualquer outra cultura que não comemora o Natal. Desta maneira você já está acostumado a virarem a cara pra você quando vai ao supermercado, hospital, cartório, etc.

Então por pressão social, medo de exclusão, ou até atos de violência contra você, você simplesmente consente ser um cínico hipócrita e consumista, complacente, obediente e dócil aceita imitar o coletivo que subjuga sua individualidade. Não impressiona pessoas que apontam pro Japão ou Índia e dizem que lá também comemoram o Natal como justificativa para aceita-lo, lá também tem cristãos dispostos a organizar festas grandiosas com o dinheiro de doações, só para propagar seu ideais.

Mas o que importa? Você quer mesmo é se autogratificar, ou que te gratifiquem. Buscando a felicidade utópica, que na verdade é só um estado de alegria constante, sem o uso de entorpecentes, é claro… Por isso tem bastante chocolate no meio dos presentes.

É aqui no último parágrafo, o de conclusão, que normalmente o escritor vomita propostas para contornar os problemas apresentados anteriormente. Por isso aproveito pra mandar um beijo pro meu pai, pra minha mamãe e um beijo especial pro Papai Noel. Sim! Eu acredito que Papai Noel existe, e no próximo Natal prometo que apresentarei evidências de sua existência!

Por Sr. Toletão.

3 Responses to O Grinch

  1. Anonymous says:

    conformistas!

  2. Fêfa says:

    só tenho uma palavra pra descrever esses personagens: moralizadores…querem impor ideologias e criar submissão…

  3. Baça says:

    conivente, é isso o que você é. co-ni-ven-te

Deixe um comentário

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: