Poesias Doentias 8

UMA PUTA VOMITADA

“PUTA SUJA E ARROMBADA
ACABAMOS DE DAR UMA METIDA
JA TE DEI MUITA PIROCA
SEXO ANAL E ATÉ MORDIDAS

VOCÊ PULA IGUAL UM CAVALO
COM FÚRIA E SEM CANSAR
E COM ESSE RABO ESCROTO
FAZ MEU PAU ATÉ INCHAR

QUE DETALHE MAIS BIZARRO
NUNCA ME PASSOU PELA IDÉIA
QUANDO VOCÊ ESTAVA PULANDO
REPAREI QUE ESTAVA COM DIARRÉIA

E SUJOU MINHA BARRIGA
FICOU TODA CHEIA DE MERDA
E O ODOR QUE EXALAVA
ERA MELHOR QUE CHEIRO DE ESPERMA

ACHEI QUE NAO ERA JUSTO
VOCE ME DAR TANTO PRAZER
TENHO QUE ENCONTRAR
UMA FORMA DE TE AGRADECER

VOCE ME SUJOU TANTO
QUE MEU ESTOMAGO EMBRULHOU
E AO INVÉS DE TER UM ORGASMO
ABRI SUAS PERNAS E VOMITEI COCÔ”


por João.

Deixe um comentário

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: