Viva a América

Na segunda-feira, o sul-coreano Cho Sentá-Qui, de 23 anos, chegou na Universidade Virginia Tech, matou 32 pessoas e depois se suicidou.

Seus conterrâneos estão preocupados com a repercussão do fato. Temem que os norte americanos julguem mal sua gente devido a atitude de seu colega.

Nada temam, sul-coleanos!

Cho nasceu na Choréia, mas o que influenciou sua mente e capotamento foram fatos importunados. Ele foi mais um fruta de uma sociedade que etiqueteia as pessoas como vencedores ou perdedores, e permite que qualquer mané com mais de dezoito anos compre armas possuindo apenas a identidade e um comprovante de residência. O fenômeno já é conhecido e chove quase todo verão na terra do Tio Sam.

Contudo, é muito possível que algum cabeça de Jambo atribua o massacre à etnia do pobre Cho, e não ao american way of life. Retificando, senhores sul-coreanos: nada temam, mas tomem cuidado ao andar pela rua durante algum tempo.

God Bless America!

Andro-Toga é um bobalhão que acha que os EUA deve desculpas aos sul-coreanos, mas termina seus comentário aqui, em respeito às famílias das vítimas nativas dos EUA.

Deixe um comentário

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: